Dólar com. R$ 3,297
IBovespa +0,09%
11 de dezembro de 2017
min. 26º máx. 29º Maceió
sol com poucas nuvens
Agora no Painel Justiça Federal aceita denúncia e Rocha Loures vira réu por corrupção passiva
09/04/2017 às 19h09

Esporte

Sem inspiração e com torcida única, CSA e CRB ficam no 0 a 0

Um “Clássico das Multidões” inédito por um lado e já conhecido por outro na tarde deste domingo (09). Pela primeira vez CSA e CRB realizaram uma partida com torcida única, por decisão da justiça, mas isso não fez diferença no jogo, que terminou empatado em 0 a 0, diante da falta de inspiração das equipes em jogo válido pelo Hexagonal do Campeonato Alagoano.

Com o resultado o CRB se mantém na liderança do Hexagonal com 7 pontos ganhos, empatado com o ASA. Por sinal, as duas equipes se enfrentam na próxima rodada do Alagoano, no Estádio Rei Pelé. Já o CSA, está na incômda 4ª posição com 4 pontos e terá pela frente o Murici, que está na sua frente na tabela de classicação. O jogo será no Estádio José Gomes da Costa em Murici.

O JOGO – 1º TEMPO

Com a bola rolando, os dois times que já se conhecem muito bem, se estudaram e demoraram a criar. A primeira chance de perigo veio depois dos 15 minutos. Celsinho bateu falta na área, o zagueiro Thales desviou levemente e Juliano defendeu no susto.

O CRB mostrava uma melhor organização, posse de bola e troca de passes, mas não conseguia levar perigo ao gol do CSA. Por outro lado, o time marujo chegou de novo e Jacó foi acionado na área e mandou para as redes, mas o assistente apontou a posição irregular.

Apesar das duas tentativas do CSA, o jogo não era dos mais agradáveis, as duas equipes tinham dificuldades na criação de jogadas e acabaram exagerando nas faltas. O árbitro Francisco Carlos do Nascimento, o “Chicão” precisou conter os ânimos no primeiro tempo.

2º – TEMPO

Veio a segunda etapa  e o ritmo era basicamente o mesmo. As duas equipes continuavam sem inspiração e tentavam surpreender na bola parada. Batedor de faltas do CRB, Diego bateu falta, mas não teve sucesso.

Do lado do CSA, o time marujo por duas vezes chegou perto na bola parada. Na primeira oportunidade, a bola passou na área e ninguém aproveitou. Na segunda, novamente ninguém chegou, mas Jacó quase alcança e assustou o goleiro Juliano.

Até o final do jogo, as duas equipes continuaram sem criar e o jogo foi encerrado com outro placar de 0 a 0 no “Clássico das Multidões”.


Fonte: Com informações do Cada Minuto

Todos os direitos reservados
- 2009-2017 Press Comunicações S/S
Avenida Hamilton de Barros Soutinho, 1866 - Jatiúca - Maceió-AL
Tel: (82) 3313-7566
[email protected]