Dólar com. R$ 3,178
IBovespa -0,9%
17 de agosto de 2017
min. 18º máx. 27º Maceió
chuva rápida
Agora no Painel Detran alerta sobre suspensão de atendimento nesta quinta-feira (17)
21/04/2017 às 12h14

Geral

Projeto discute legislação com estudantes da rede estadual de São Miguel dos Campos

Assessoria

A manhã de quinta-feira (20) foi diferente para os alunos da Escola Estadual Ana Lins, de São Miguel dos Campos. Eles puderam ter noções de legislação, conhecer a Constituição Brasileira e aprender mais sobre seus direitos e deveres como cidadãos. A ação foi possível graças ao Projeto Junior, uma iniciativa idealizada pelo aluno Haul de Oliveira, com o apoio de sua mãe Débora de Oliveira e da escola.

A ideia nasceu quando Haul começou a acompanhar sua mãe como ouvinte nas aulas da faculdade de Direito. O mundo das leis fascinou o garoto precoce que, aos 14 anos, foi aprovado no vestibular de Direito, mas não pôde se matricular por ser menor de 18 anos e não ter ainda concluído o ensino médio. Daí nasceu o projeto, que é coordenado por sua mãe Débora.

“Sempre quis encontrar uma forma de compartilhar com outros estudantes os conhecimentos que adquiri como ouvinte no curso de Direito. Quando apresentei o projeto à escola, tive apoio incondicional. Resolvemos abordar a Constituição porque ela é a nossa lei maior e muitos jovens ainda não conhecem seus direitos e deveres”, conta Haul.

Além da escola, Haul também apresentou o projeto a lideranças políticas do Estado, a exemplo do senador Renan Calheiros, que parabenizou o jovem pela iniciativa.

Josenete Portela, gerente da 2ª Gerência Regional de Educação (Gere), elogia o projeto. “A Escola Ana Lins tem uma tradição de estimular os seus alunos a desenvolverem senso crítico e ações como esta merecem todo o incentivo, pois também favorecem a oferta de uma educação de qualidade”, diz a gerente.


Protagonismo

A diretora da Escola Ana Lins, Josimere Queiroz, diz que a instituição incentiva o protagonismo juvenil entre os alunos, apoiando projetos e iniciativas dos estudantes. “Uma ação como esta é muito importante, pois traz esclarecimentos sobre a nossa legislação e vai ajudá-los na escolha de seu futuro profissional, já que muitos desejam cursar Direito. Além disso, a mãe de Haul se tornou uma parceira da escola e é isto que a escola deve ser: uma família”, afirma a gestora.

O Projeto Junior também foi abraçado pelos líderes de turma da unidade de ensino, que também contribuirão para a sua execução. Uma delas é a aluna da 2ª séria do ensino médio, Paula Cristina Correia.

“Quero muito fazer Direito quando terminar o ensino médio e isso me levou a querer participar do projeto e conhecer melhor as nossas leis, nossos direitos e deveres na sociedade. Eu e meus colegas ajudamos na organização e também vamos divulgá-lo com nossos amigos”, disse Paula.
Próximas ações

Após a palestra de quinta-feira, ministrada pelo professor universitário e advogado Hermengardo Nascimento, o Projeto Junior trará diversos outros temas para discussão. “Temos agenda fechada até setembro e, dentre outros assuntos que serão abordados, estão o Código Penal, Lei Maria da Penha, Estatuto da Criança e do Adolescente e leis de trânsito”, informa Haul.


Fonte: Assessoria

Todos os direitos reservados
- 2009-2017 Press Comunicações S/S
Avenida Hamilton de Barros Soutinho, 1866 - Jatiúca - Maceió-AL
Tel: (82) 3313-7566
[email protected]