Dólar com. 3,888
IBovespa -1.98
23 de agosto de 2019
min. 22º máx. 28º Maceió
chuva rápida
Agora no Painel Governo estuda enviar Exército para combater queimadas na Amazônia
18/07/2019 às 08h35

Blogs

A paixão feminina

Sapatos. Não há nada nem ninguém que concorra com eles. Esse acessório é eleito o queridinho das mulheres. Por que será? Há muita alegoria em torno disso, vale até o sapatinho de cristal de Cinderela - a escolhida pelo príncipe.

Ele é o símbolo de feminilidade, sensualidade e até de poder à lá Christian Louboutin.

A ciência aponta que o efeito de comprar sapatos libera serotonina, tamanha é a satisfação em presentear a dona dos pés por algo que ela se sinta merecedora.

Baseado nisso resolvi escrever sobre eles e de como agregam informações ao vestuário.

Sapato Chanel (scapin com abertura atrás com salto baixo) criado por Coco Chanel é sinônimo de requinte. É um modelo que combina com produções formais e casuais.

Sapato Mary Jane ou sapato boneca, muito usado com minissaias na década de 60, torna o look romântico. Fica lindo com saias midi e rodadas.

O peep toe tradicional (sapato com uma pequena abertura nos dedos de salto alto) surgiu no pós-guerra e tem um toque de sensualidade.  Vestidos e saias curtas, jeans e macacões são coordenações assertivas.

O mule, erroneamente chamado no feminino é uma inspiração do século XVI, usado por homens e mulheres. Foi popularizado nos anos 1950 com a atriz Marilyn Monroe.  O sapato é fechado na frente e aberto atrás e pode ser acompanhado com shorts, calças, saias e vestidos longos.

O scarpin foi lançado por Christian Dior em 1947 e até hoje ele ocupa um lugar exclusivo. É uma peça atemporal, um clássico. Dependendo da cor (preto ou nude) assenta com tudo.

As sandálias são invenções dos gregos, foi se modernizando com o tempo. As rasteiras eram usadas por faraós. O que determinará os looks são a altura do salto e o modelo, mas em geral a calça justa tem passagem livre.

A espadrilha lembra anabela. A diferença é que seu solado é feito de corda, palha ou cortiça. Ela ganhou simpatia em 1970 pelas mãos de Yves Saint Laurent, inspirado na guerra civil espanhola. É um calçado confortável, ótimo para looks básicos. 

Toda mulher deseja o par perfeito. Um para o coração e centenas para os pés”.

Estou no Instagram @luciahmsaraiva 

                                                                                           


A Arte De Ser Você por Lucinha Saraiva

Profissional de Marketing Pessoal e Marketing Empresarial, atuou em estratégia colaborativa de negociação, ministrou etiqueta social, orientou e acompanhou eventos corporativos entre outras demandas solicitadas por empresas contratadas. Atualmente é consultora de Imagem e Estilo com conhecimento em moda e colorimetria . Criou "A Arte de Ser Você” com o propósito de ajudar as pessoas na autoestima, através de elementos simples e acessíveis.

Todos os direitos reservados
- 2009-2019 Press Comunicações S/S
Tel: (82) 3313-7566
[email protected]