Dólar com. 3,888
IBovespa -1.98
14 de outubro de 2019
min. 23º máx. 31º Maceió
chuva rápida
Agora no Painel MP requer ao Judiciário que afaste novamente Arnaldo Higino do cargo de prefeito
13/06/2019 às 16h48

Blogs

Igualdade Ampla, Geral, Irrestrita

Greve Geral em São Paulo, no ano de 1917 - Arquivo/Escola Focus

Acredito que 1 dos piores sentimentos é a ganância. Incrível, quanto + se tem, + se quer. Parece doença, possessão. E o pior, acreditam que só uns merecem ter tudo, principalmente qualidade de vida. Por isso, acho que, quando a troca era o modo de negociar, era + leve a negociação. E + igualitária. Mas com a industrialização, as relações de trabalho ganharam novas formas e comportamento. Os empregadores, querendo explorar os empregados ao máximo.

Nesta época, operários se mobilizaram pra garantir seus direitos. Pelo alto índice de industrialização, no século IXX e início do XX, na Inglaterra e Estados Unidos, muitas greves.

Greve, “substantivo feminino, paralisação, interrupção voluntária dos trabalhadores, reivindicando direitos, contra ameaças ou desvantagens no trabalho. Do francês ‘gréve’”.

No Brasil, a ‘greve dos 300 mil’, em 1953, fez história, assim como as que aconteceram no ABC Paulista entre 1978 e 1980, inclusive pela defesa da democracia, também marcaram época. E as conquistas, garantidas. Até agora, pelo menos.

Com a radical mudança no governo federal, que vem implantando outra visão do mundo e da vida, incluindo cortes nos investimentos em educação, pesquisas, ciências, cultura, previdência, aposentadoria... que compromete igualdade trabalhista entre gêneros, direitos duramente conquistados, pondo em risco grande parte da população, amanhã, movimento extra Brasil afora, com muitas instituições e entidades exercendo + 1 vez, este direito de externar descontentamento com os rumos que estão sendo tomados, numa greve geral.

Aqui em Maceió, não será diferente das outras capitais e várias cidades do interior. Concentração às 3 da tarde deste dia 14, na Praça do Centenário, no Farol, “Em defesa da cidadania e contra os cortes na Educação”.

E atenção, assim como muitas categorias, os condutores de transporte público aderiram e os ônibus não circulam nesta 5a feira. Muita gente não vai a nenhum supermercado ou mercado, farmácias, padarias, açougues, restaurantes, lojas, consultórios (exceto por urgência), shopping (mesmo que seja só para a praça de alimentação), lotéricas, bancos, postos de combustíveis,  academias, faculdades... e não pagarão nenhuma conta. E ativistas recomendam “Evite fazer estas ações mesmo que você não vá trabalhar”.

Sem igualdade de direitos entre classes trabalhadoras e/ou sociais, o futuro estará comprometido. Chega de classe dominadora e dominada!!!

Eu mesmo, amanhã, não farei nada, afinal, sou socialista, e sigo querendo igualdade ampla, geral, irrestrita pra todos, sem distanciamento entre seres que devem honrar as denominações e a nomenclaturas “Humanos” e “Racionais”. E você? De que lado está? Ao lado de todos ou de apenas uns???


Fonte: Felipe Camelo

Galeria de Fotos


Felipe Camelo por Felipe Camelo

Felipe Camelo é jornalista formado no Rio de Janeiro. Em Alagoas, passou pelas principais redações de jornais e portais .Tem em sua história profissional a cobertura de vários eventos importantes festivos e culturais em Maceió e outras cidades. É um apaixonado por fotografia. Para Felipe, “fotografar significa congelar o tempo”.

Todos os direitos reservados
- 2009-2019 Press Comunicações S/S
Tel: (82) 3313-7566
[email protected]