Dólar com. 3,888
IBovespa -1.98
17 de fevereiro de 2020
min. 25º máx. 31º Maceió
chuva rápida
Agora no Painel Receita paga hoje restituição do lote residual do IRPF de 2008 a 2019
28/10/2019 às 13h51

Blogs

“Presente” ausente

Felipe Camelo

Começo esta semana com diversos e diversificados assuntos, todos, interessantes e importantes que devem ser abordados.

Não vou nem lista-los, porque ai, vai ser a própria matéria. Minha ideia é ir postando diariamente, como faço, sem me preocupar se o fato é factual ou se já aconteceu. Se é de interesse, entra.

Sempre fui muito observador, principalmente do comportamento humano, que muitas vezes é tudo, menos humano.

Mas enfim, venho confirmando que, inclusive na correria pela sobrevivência, os país de hoje não repetem o modo de educar os filhos como em gerações anteriores. Pelo estilo e ritmo de vida, não dão a atenção que as crianças precisam.

Principalmente com a chegada dos celulares, que viraram “surto coletivo”, são, eles são, sem dúvida, o principal foco de atenção dos adultos. Já vi crianças bem novas ‘soltas’ na rua, enquanto os pais, ali perto, mas com todos os sentidos “plugados” no telefone, deixando os pequenos livres, correndo sérios e graves riscos.

E pra piorar, deixam a tarefa de educar como obrigação dos professores. Ora, eles ensinam, principalmente matérias, mas educação básica e doméstica, é função dos pais, avós, tios... a família tem que, também, dar exemplos. E, infelizmente, não dão.

Resultado, gerações de jovens e adultos muito mal educados. Digo “descivilizados”. A grande maioria, sem o mínimo pra viver e conviver em sociedade.

Mas enfim, isto tudo pra chegar ao assunto desta 2ª.

Quando meu amigo e talentoso fotógrafo Reynaldo Gama Júnior me contou que havia pensado numa exposição celebrando os 30 anos do Maceió Shopping, adorei sua ideia de inclusão. Ele, que sempre fotografou famosos e poderosos mundo afora, resolveu transformar vendedores, lojistas e clientes em estrelas.

Conseguiu parcerias, produziu-os e fotografou. O resultado? Incrível, pareciam modelos. As fotos foram ampliadas e coladas sobre pneus, algumas em 3 ou 4, outras, em apenas 1 pneu, devidamente posicionados seguindo projeto visual, em local delimitado, caracterizando explicitamente, ser 1 exposição de Arte, e não, 1 local de alimentação e brincadeiras. O local não foi isolado, exatamente pra que o público pudesse circular entre as fotografias e conferir a transformação dos ‘modelos’. A abertura reuniu muita gente, e deveria ficar em cartaz algumas semanas, na programação das 3 décadas do shopping.

Qual foi a surpresa de Gama Júnior quando lá chegou no dia seguinte pra conferir como estava tudo. Espanto seguido de tristeza, incredulidade e raiva, já que, das 24 fotografias, 19 (sim, dezenooove) estavam danificadas.

O sistema de câmeras não inibiu o vandalismo. Crianças subiram nas fotos sem que seus acompanhantes impedissem, adultos sentaram, como se fossem bancos de praça, colocaram bolsas e sacolas em cima, chegaram ao cúmulo de tentar descolar as imagens de seus suportes, rasgando. Olhem que miséria! Ai eu lembro que muita gente preconceituosa diria que este mal comportamento é usual em centros de compra “de periferia”, populares. Nananinanão!!!

O resultado? A mostra “Presente” ficou menos de 24h, quando estava programada pra ficar exposta algumas semanas. Quem perde? Principalmente o próprio público. Estes mal educados são, as mesmo tempo, vândalos e vítimas, de si mesmos.

Me desculpo por generalizar, nivelar “ por baixo”.

Claro que tem muita gente civilizada e educada, óbvio, mas acho que somos minoria. Sigo com Fé, crendo que este quadro se modifique, e que todos, honrem a classificação Humana.

Devidamente civilizada, educada, racional!!!

As fotos da abertura são minhas, e, pra que vcs, internautas, possam conferir o excelente trabalho de meu querido Júnior, já que a exposição não está + em cartaz, posto no final desta matéria as fotos de “Presente”, com a estrelada assinatura Carlos Reynaldo Gama Júnior

Ah! Vale acesso matéria sobre a exposição “Presente”, postada no https://painelnoticias.com.br/blogs/felipe-camelo/159670/o-1-dia-e-os-30-anos


Fonte: Felipe Camelo

Galeria de Fotos


Felipe Camelo por Felipe Camelo

Felipe Camelo é jornalista formado no Rio de Janeiro. Em Alagoas, passou pelas principais redações de jornais e portais .Tem em sua história profissional a cobertura de vários eventos importantes festivos e culturais em Maceió e outras cidades. É um apaixonado por fotografia. Para Felipe, “fotografar significa congelar o tempo”.

Todos os direitos reservados
- 2009-2020 Press Comunicações S/S
Tel: (82) 3313-7566
[email protected]