Dólar com. 3,888
IBovespa -1.98
11 de dezembro de 2019
min. 25º máx. 28º Maceió
chuva rápida
Agora no Painel Suspensa divulgação de resultados de provas para cartórios de Alagoas
26/11/2019 às 17h16

Blogs

Em Maceió, “Natal Cultural”

Felipe Camelo

Nos meus 50 anos de fotografia, fato inédito, que nunca havia me acontecido. Na tarde do último sábado, desci do apartamento de minha mãe pra seguir e fotografar o Cortejo dos Folguedos de Natal, e na 2ª foto, a bateria da câmera descarregou. Peguei outra, e pra incredulidade e surpresa minha, ela também estava descarregada.

Antes que ficasse puto e chamasse 1 palavrão, pensei que era pra ser assim. Voltei ao edifício que minha mãe mora, deixei a câmera na portaria, e segui fotografando com o celular.

Como já publiquei, grupo de cavalhada abria o desfile, e sai registrando tudo que me chamava atenção. Além dos grupos participantes, amigos que fui encontrando, não escaparam do meu foco. Encontrei também 1 fera de ‘slackline’, Gastão Souza, que dançava no ar, enquanto se despedia num espetáculo de travar o fôlego.

E assim segui, registrando, até que cheguei ao ponto final, a Multieventos da Pajuçara, onde feirinha de artesanato oferecia produtos incríveis. Desci pra arena gastronômica, onde muitos conhecidos praticavam o pecado da gula, enquanto show musical garantia animação e clima natalino. Fiz a chegada de “Nossa Senhora dos Prazeres’, acompanhada de lírico e poético pastoril.

Assim que avistei o prefeito Rui Palmeira, fiz 1 foto dele (e 1 minha com a jornalista Eliane Aquino, sua secretária de Comunicação, e querida minha), a bateria de celular também descarregou. Resultado, não consegui registrar a contagem regressiva pra acender toda a linda decoração na orla.

Ao invés de ficar ‘puto’, guardei o telefone e fui curtir a festa e os amigos. Assim, nesta postagem, nenhuma foto oficial do evento, e posto aqui, o que consegui registrar.

Confesso que, antigamente, eu teria ficado muito zangado, estragando minha noite.

Mas, quase completando 60 anos, consigo entender que, se aconteceu, era pra ter acontecido, e não sou ninguém pra questionar ou reclamar de fatos involuntários, que fogem ao meu controle. Aprendi que, não devemos contestar, ou estressar.

Sigo procurando fazer o meu melhor, com o que a vida me proporciona, sem praguejar, ou xingar, energia negativa que só nos faz mal.

E em paz, sigo feliz curto o melhor da vida.

Aproveito pra parabenizar toda a equipe da Fundação de Ação Cultural de Maceió, na figura de seu ativo presidente, e querido meu da vida toda, Vinicius Palmeira, que não mede esforços pra realizar incrível trabalho, comandando abnegada equipe. E pelo que sei, a programação de Natal em Maceió promete. Inclusive o projeto “Natal na Avenida da Paz”, vai embelezar a orla sul da cidade, reunindo 20 artistas, cada 1 apresentando sua árvore, de Jaraguá ao Sobral.

Mas esta, já será outra matéria. É aguardar. E desde já, Feliz Natal. E Ho!Ho!Ho!!!


Fonte: Felipe Camelo

Galeria de Fotos


Felipe Camelo por Felipe Camelo

Felipe Camelo é jornalista formado no Rio de Janeiro. Em Alagoas, passou pelas principais redações de jornais e portais .Tem em sua história profissional a cobertura de vários eventos importantes festivos e culturais em Maceió e outras cidades. É um apaixonado por fotografia. Para Felipe, “fotografar significa congelar o tempo”.

Todos os direitos reservados
- 2009-2019 Press Comunicações S/S
Tel: (82) 3313-7566
[email protected]