Dólar com. 5.8755
IBovespa -3.98
08 de março de 2021
min. 25º máx. 31º Maceió
sol com poucas nuvens
Agora no Painel 124.729 alagoanos já foram vacinados contra a Covid-19
25/01/2021 às 16h33

Blogs

Entre São Paulo e Porto de Pedras

onde já morei e onde vou morar

Na janela do mundo, Patacho de Porto de Pedras (FC)

Começo essa postagem me desculpando pela ausência nestes últimos dias, sem atualizar aqui o blog.

Há muitos anos venho mantendo o cabelo sempre bem aparado. Nesta pandemia, eles cresceram muito e 7 meses meses depois, me sentindo 'pesado', pensei que minha disposição seria reforçada quando eu me sentisse mais 'leve'. Assim, passei a máquina 2 na última 6º-feira, e hoje, aproveito o 'embalo' para retomar as publicações diárias, como sempre fiz. 

Tenho inclusive algumas matérias iniciadas, que precisam ser concluídas e postadas. 

E neste 25 de janeiro, retomo o ritmo, celebrando os  467 anos de São Paulo, cidade que amo e onde passei maravilhosos anos morando lá. Maior metrópole da América Latina e 1 das maiores do mundo, contabiliza atualmente 12,33 milhões de habitantes, vindos de várias partes do planeta, inclusive e principalmente, muitos nordestinos.

Entre eles, milhares de alagoanos, e com certeza, alguns nascidos em Porto de Pedras, cidade que em 9 de junho próximo celebra 100 anos com população estimada em 7.701 habitantes, e que, ganhará em breve, mais um morador, eu, que voltarei ao 'berço' de minha família materna,  da Cunha Lima, na qual nasceram vários membros que já ocuparam a prefeitura municipal. 

Cresci passando lá, todos os verões da infância e adolescência, quando conseguíamos reunir todos os primos e primas, inclusive os que moram em Recife. E também os primos dos primos. Dezenas de crianças e jovens, de várias idades, no centenário casarão que tem a mesma idade da cidade. Férias inesquecíveis que só reforçam meu desejo de me fixar lá, para aproveitar a última etapa de minha vida, a velhice, com qualidade. Em março, completo meu 59º ano, iniciando, consequentemente, meu 60º ciclo. 

Sempre achei que o Turismo 'explodiria' na região, sem dúvida, 1 das mais lindas e incríveis do estado. Até demorou para isso acontecer, mas aconteceu, e sem dúvida, o setor movimenta a economia e a vida da população nativa. Dezenas de pousadas, restaurantes e afins vem gerando emprego e renda para muita gente, melhorando a qualidade de suas vidas. Diretamente e indiretamente. 

Entre suas belezas naturais, o rio Manguaba e sua foz, onde 2 balsas fazem o transporte de veículos, ligando Porto de Pedras e Japaratinga. Estes dias, vi matéria na Imprensa, confirmando que, pela precariedade do serviço, provoca horas de filas de automóveis, a maioria com turistas, resultando em mau humor, que atrapalha o relaxamento da viagem pela paradisíaca Rota Ecológica e de Charme. 

Prefeito Henrique Vilela é casado com Márcia Cunha (neta do ex-prefeito Aloísio Cunha, o Zizo, lúcido e firme aos 100 anos) e que vem colaborando com a administração do marido, reeleito com impressionantes 81,30% dos votos válidos, atestando a excelência de seu trabalho, a melhor avaliação dos prefeitos alagoanos. 

A cuidadora de minha mãe é de Porto de Pedras, e passa lá todos os finais de semana, e Janúsia, sempre que chega, me atualiza as notícias, como por exemplo, que "o prefeito atende qualquer denúncia que melhore a cidade, como lixo colocado em locais impróprios, e ele, imediatamente, aciona o serviço e o problema é rapidamente resolvido". 

Como agora, com o recorrente problema com a travessia das 2 balsas, o prefeito já retomou contacto com o governador Renan Filho para a urgente necessidade de licitação de novas balsas, e a melhoria do serviço. Há projeto de construção de ponte sobre o Manguaba, mas como a obra será numa Área de Proteção Ambiental , análises e pareceres são fundamentais. E demoram.

Como solução mais rápida para o problema que vem afetando nativos e turistas que precisam fazer a travessia do rio, a substituição das 2 balsas é a mais lógica. 

Sem esquecer que a área é santuário do peixe-boi-marinho, espécie que vem correndo sério risco de extinção. A Associação Peixe-Boi em Porto de Pedras vem realizando incrível trabalho de educação e conscientização sobre a preservação desta dócil espécie. Passeio guiado para apreciação dos animais é muito concorrido, assim como a subida para o mirante do farol, sem dúvida, 1 dos mais belos cartões-postais da cidade, que sempre adorei subir para ver a paisagem em 360º. A vista é de tirar o fôlego, mas a subida pelo interior do farol deve haver a devida autorização.

Outra inesquecível subida, pela lateral da Igreja de Nossa Senhora da Glória, indica outro mirante, o do cemitério. Dele, registra-se verdadeiro mar de coqueiros, que emolduram a deslumbrante costa, com suas estonteantes praias, como a do Patacho, por exemplo. Sem dúvida, o 'filé' entre tantas "caribenhas'' praias, como é conhecida a Rota de Charme, o "Caribe do Brasil". Confesso que não gosto de comparações, mas enfim... 

Outro dia fiquei muito feliz com o convite de Henrique Vilela para que a jornalista Zélia Cavalcante assuma a Secretaria de Turismo. Ela, que é minha amiga desde o Marista, prima pela excelência em tudo que faz, e tenho certeza que é valor agregado na afinada equipe municipal. 

Então, daqui de Maceió, celebro o aniversário desta incrível São Paulo, onde já fui muito feliz, e festejo também o rumo que Porto de Pedras vem trilhando, e que será, com certeza, o ideal local para fazer de minha velhice, minha "melhor idade". 

Aproveito para felicitar o prefeito Henrique Vilela, sua Márcia Cunha, e Zélia Cavalcante, por ter encarado este novo desafio, cujo sucesso é garantido. 

E por falar em garantido, amanhã, nova matéria aqui neste portal.

Galeria de Fotos


Felipe Camelo por Felipe Camelo

 Jornalista formado no Rio de Janeiro. Em Alagoas, passou pelas principais redações de jornais e portais .Tem em sua história profissional a cobertura de vários eventos importantes festivos e culturais em Maceió e outras cidades. É um apaixonado por fotografia. Para Felipe, “fotografar significa congelar o tempo”.

Todos os direitos reservados
- 2009-2021 Press Comunicações S/S
Tel: (82) 3313-7566
[email protected]