Dólar com. 4.7295
IBovespa 0.58
28 de maio de 2022
min. 23º máx. 32º Maceió
chuva rápida
Agora no Painel Trabalhadores nascidos em setembro podem sacar até R$ 1 mil do FGTS
01/05/2022 às 15h40

Blogs

A pobre política alagoana

PARA REFLETIR

Existe uma deformação lastimável na consciência política coletiva do nosso povo: o povo adora ser enganado.

Povo alienado, políticos felizes.


A pobre política alagoana

Alagoas sempre teve certo protagonismo na política brasileira, com figuras ocupando os mais elevados cargos, principalmente no Legislativo nacional. São políticos hábeis, inteligentes, com destino e vocação para o intrincado jogo bruto e as vezes, muito sujo, que só os profissionais sabem jogar. Nós alagoanos, não temos muito o que nos orgulhar dessas figuras emblemáticas, pois alguns nos fazem sofrer as consequências de uma “vergonha nacional”, por suas posturas equivocadas, diante do que se trata de interesse público.

Quantas vezes você leitor, já não foi abordado com essa pergunta:” você é da terra de fulano e vê-se constrangido a dizer sim?

Temos os piores políticos

Assisti e fui participe (como chefe de gabinete da presidência) da eleição indireta para governador em 1978, que elegeu o deputado Geraldo Melo. Era um fato previsto na Constituição e assim foi resolvido. Sem traumas, sem encenações midiáticas e sem “conspirações” e principalmente sem baixarias. Hoje vejo que os tempos realmente mudaram. Pelo simples motivo de se tornarem “visíveis” aparece um grupo de malucos em uma disputa que seria passiva e de resolução prática. Em seguida essa mesma eleição é contestada por outros cujo objetivo é apenas conturbar e postergar o processo, por antagonismo político e disputa de poder.

É essa prática pequena que atrapalha o natural desenvolvimento do estado e nos expões a um ridículo papel na política brasileira.

Digo sempre que Deus poderia ter sido menos generoso ao nos dotar de tanta exuberância de belezas naturais e ter melhorado o caráter e o espírito público de nossos políticos. São os piores do Brasil.

O fim do PSDB

Com a perda do monopólio do voto anti-petista, a saída de cena de suas lideranças históricas e a candidatura do ex-governador João Doria à Presidência da República, caso se confirme, o PSDB poderá diminuir ainda mais no Congresso Nacional. De 2014 para 2018, o PSDB encolheu de 54 para 29 deputados federais eleitos. Com os efeitos da janela partidária, hoje restam 22 parlamentares. O partido deve perder tamanho, independente da candidatura de Doria, ou não. A tendência, hoje, é que o PSDB diminua sua bancada na Câmara. A confusão criada pela presença do ex-governador de São Paulo e sua alta rejeição vai deixar sequelas sem cura no partido.

Prazos eleitorais

Eleitores têm até o próximo dia 4 de maio para regularizarem eventuais pendências junto à Justiça Eleitoral e estarem aptos a votar nas eleições marcadas para outubro deste ano. O prazo inclui os pedidos para transferência do título de eleitor

A data para o primeiro turno do pleito é 2 de outubro e o segundo turno, se houver, ocorrerá em 30 de outubro. Serão disputados os cargos de deputado federal e estadual, senador, governador e presidente da República.

O prazo do dia 4 de maio vale, ainda, para quem vai pedir a primeira via do título de eleitor para votar pela primeira vez, para fazer a transferência de local de votação (domicílio eleitoral) ou para a atualização de dados pessoais. Todos os procedimentos podem ser feitos online, na página de autoatendimento do eleitor, do Tribunal Superior Eleitoral.

Gastos imorais e ilegais

O presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), alagoano,  ministro Humberto Martins, suspendeu os efeitos da decisão do Tribunal de Justiça do Maranhão (TJMA) que permitia a realização de um show de Wesley Safadão ,no município de Vitória do Mearim. O ministro entendeu que ficou demonstrada a incompatibilidade entre a despesa com a contratação do evento e a realidade orçamentária do município maranhense.

“O dispêndio da quantia sinalizada com um show artístico de pouco mais de uma hora, em município de pequeno porte, justifica a precaução cautelar do juiz de primeiro grau, que caracterizou o evento como lesão à ordem e à economia públicas”.

A mesma coisa está para acontecer em Palmeira dos Índios, onde o prefeito que é pouco afeito ao interesse público, está contratando o cantor brega, José Augusto, pelo exorbitante valor de 172 mil reais, na contramão da moralidade pública.

A farra dos prefeitos

Passou de mil a quantidade de prefeitos que se fizerem presentes à Marcha Municipalista, realizada em Brasília esta semana. Estiveram presentes o presidente Jair Bolsonaro, o pré-candidato Ciro Gomes e outros cujos nomes estão em evidência para a disputa presidencial. Lula não compareceu o que pegou mal, entre os participantes, que se perguntavam: “não está com coragem de sair às ruas”? Bolsonaro foi aplaudido e Ciro muito “tietado”, após seu pronunciamento, com direito até a autógrafos para os prefeitos.

A farra dos prefeitos II

Fora a programação com as estrelas da política o que se viu no ambiente da “marcha” foi plenário esvaziado e restaurantes lotados. A maioria dos prefeitos preferiu aproveitar a farra de Brasília, com os hotéis tomados por bonitas jovens, muitas até “importadas” e os almoços e jantares a “0800”, oferecidos pelos poderosos da política que os agradaram boas comidas e bebidas, naturalmente na conta da “viúva”. Ao regressarem certamente dirão aos seus munícipes que a viagem foi “muito proveitosa”.

Pílulas do Pedro

Nesse jogo sujo entre políticos antagônicos, no qual vale até falar na mãe, só Alagoas sai perdendo.

Batido o martelo e Rafael Brito será o vice-governador de Paulo Dantas. Um bom nome para a disputa que será


Pedro Oliveira por Pedro Oliveira

Jornalista e escritor. Articulista político dos jornais " Extra" e " Tribuna do Sertão". Pós graduado em Ciências Políticas pela UnB. É presidente do Instituto Cidadão,  membro da União Brasileira de Escritores e da Academia Palmeirense de Letras.

Todos os direitos reservados
- 2009-2022 Press Comunicações S/S
Tel: (82) 3313-7566
[email protected]