Dólar com. 5.3885
IBovespa 8
24 de junho de 2024
min. 23º máx. 32º Maceió
chuva rápida
Agora no Painel Auxílio Reconstrução: 182 prefeituras ainda não cadastraram famílias
25/06/2023 às 12h38

Blogs

Das tripas, coração


PARA REFLETIR - O mau político não vê pessoas e suas necessidades. O mau político enxerga eleitores e seus votos


Das tripas, coração

Que ninguém imagine o governador Paulo Dantas tenha recebido um “céu de brigadeiro” para tocar o estado de Alagoas pra frente, com muito dinheiro e uma varinha mágica para fazer mais. O seu antecessor, hoje senador Renan Filho, usou da estratégia de pulverizar obras estruturantes por todo o interior, como moeda de troca pelos milhares de votos que recebeu. Reconheça-se, fez muito, só que gastou muito mais. Contou a seu favor com um auxiliar muito esperto, que tinha como conceito “faz e depois a gente vê como paga”. Paulo aos poucos percebeu que a bomba em seu colo não era de efeito retardado, mas imediato, e ai estão dividas gigantescas que terão que ser pagas e o montante só cresce.

Fez das tripas coração para conceder um aumento mínimo aos servidores, cuja fatura vence logo agora em outubro e ele terá que honrar. Reconheça-se o governador tem se virado nos trinta pra manter a governabilidade, com responsabilidade e coragem contando com uma boa equipe é cumpridor de palavra e há de descobrir o caminho das pedras. Deus o proverá!

Lobby x lobista

Em todos os países desenvolvidos a atividade de lobista tem um conceito de alta avaliação, disputando estes com os maiores escritórios de consultoria e assessoria, o exercício da atividade atuar nos grupos tomadores de decisão quer seja na iniciativa privada, pública e muito na política. É uma atividade profissional reconhecida e muito bem paga. No Brasil a palavra ganhou sinônimo depreciativo, por conta das bandidagens de nossos amados políticos, que inverteram o papel da denominação ligando-a a propina, suborno, acordos espúrios, nas tratativas e relações institucionais.

A Associação Brasileira de Relações Institucionais e Governamentais – ABRIG tem se preocupado em mudar esse conceito equivocado e buscado a valorização dos verdadeiros profissionais da área.

Feminicídio assusta

Tem impressionado o aumento do número de feminicídios registrados em Alagoas. Durante os três primeiros meses, pelas estatísticas oficiais foram 12 casos. No segundo trimestre se estima que quase dobrou essa barbara tipicidade criminosa. As pessoas estão matando por motivos banais, levadas ao ódio, pelos vícios e questões familiares.

Não basta prender e agir com especulação midiática, o estado precisa prover ações preventivas, educativas e melhor proteger as famílias, principalmente as mais vulneráveis.

Ganhou o forró

Abalados com a “tragédia” provocada pelas prefeituras de muitos municípios que resolveram abusadamente defenestrar os maiores valores da música genuinamente nordestina , nas festividades de São João, preferindo pagar cachês milionários  para “estrelas” do brega sertanejo , reagiram com uma proposta de lei, levada pessoalmente ao presidente da Câmara , o alagoano Arthur Lira, que não só recebeu, como já a levou ao plenário para ser votada em regime de urgência, na terça feira.

Pelo texto a ser aprovado por larga maioria daqui pra frente em todo território brasileiro e em especial no Nordeste 80% (oitenta por cento do orçamento dos festejos juninos terão que ser gastos, com atrações tipicamente regionais.

- Na saída da casa do presidente da Câmara o artista “Santana o cantador” disse alto, “depois de aprovada vamos agradecer em alto estilo ao nosso padrinho deputado Arthur Lira”.

Contra privilégios

O deputado federal Delegado Fabio Costa (PP/AL) foi um dos 163 parlamentares que votaram contra o Projeto de Lei nº 2.720/2023 que torna crime a discriminação de pessoas “politicamente expostas”, incluindo políticos, ministros do Poder Judiciário e funcionários de cargos comissionados no poder público. Para Fabio Costa, a matéria, além de absurda, concede privilégios desnecessários.  Sou contra a qualquer tipo de censura à liberdade de expressão e contra quaisquer medidas que tenham o objetivo de conceder qualquer tipo de privilégio, pontuou, 

Alexandre Lino

O colega Alexandre Lino sagrou-se vencedor para o Sindicato dos Jornalistas

Com grande margem de diferença de votos. Sua vitória representa a união de toda uma categoria em busca de um protagonismo enfraquecido nos últimos anos. Formado pela Universidade Federal de Alagoas, profissional da mais alta competência, um líder com boas ideias para trazer novos ares e valorização da profissão e colocar a entidade no lugar que merece estar.

Pílulas do Pedro

Governador Paulo Dantasconsolida sua liderança política com ações de governo, habilidade e firme comando da administração

Com os cachês pagos às “celebridades” no São João se mataria a fome e a miséria de muitos excluídos  em nossa capital.


Pedro Oliveira por Pedro Oliveira

Jornalista e escritor. Articulista político dos jornais " Extra" e " Tribuna do Sertão". Pós graduado em Ciências Políticas pela UnB. É presidente do Instituto Cidadão,  membro da União Brasileira de Escritores e da Academia Palmeirense de Letras.

Todos os direitos reservados
- 2009-2024 Press Comunicações S/S
Tel: (82) 3313-7566
[email protected]