Dólar com. 4.9703
IBovespa 0.58
01 de março de 2024
min. 23º máx. 32º Maceió
chuva rápida
Agora no Painel STF adia julgamento sobre revisão da vida toda do INSS
21/08/2023 às 18h40

Blogs

Ciúme de você

Assessoria

PARA REFLETIR

Politico de Alagoas tem uma característica muito própria, salvo raras exceções: é arrogante, desatencioso e acha que é “dono” das pessoas.


Ciúme de você

O governador Paulo Dantas desde o dia que assumiu o mandato tampão, ao sentar na cadeira de chefe e com a caneta na mão, começou uma caminhada em busca de consolidar sua trajetória política, sabia o que queria e o que podia fazer.  Consagrado nas urnas, depois de uma campanha vitoriosa, não parou mais. Mostrou-se um cara sem vaidades menores, tem o respeito dos prefeitos, vereadores e lideranças políticas, que têm acesso a ele sempre que necessário, diferente de outros, que colocam o poder no bucho, como se fossem seres especiais e ungidos por Deus. Paulo Dantas é gente e conhece, como poucos, as agruras do nosso povo, especialmente o calejado homem sertanejo. Não tenho dúvidas de que fará um excelente governo, pena que não pode renovar. No seu governo não passa um dia sequer, que não tenha uma obra pra inaugurar, um projeto para anunciar ou um avanço comemorar. Soube, por fonte acreditada, que diante do seu protagonismo, já surgem sussurros de ciúmes e incômodo, mesmo nas fileiras aliadas. Um conselho governador: “banho de arruda, uma reza de uma benzedeira do Sertão e pé na estrada”.  O alagoano agradece.

Senhora Bienal

Sheila Maluf é a cara e o corpo da Cultura alagoana de qualidade. Desde o Teatro Deodoro, Universidade e por onde passou deixou a marca de sua competência, conhecimento e liderança. Sou seu fã de carteirinha. Recebeu agora a missão de coordenar, mais uma vez, a Bienal Internacional do Livro de Alagoas e não podia dar outro resultado: um espetáculo de organização, conteúdo e público.

Bradesco o pior

Boletim da Senacon (Secretaria Nacional do Consumidor) divulgou a relação das empresas que mais receberam reclamações no ultimo ano, entre bancos, operadoras e comercio eletrônico. No topo da lista está o Bradesco, considerado o pior banco para relacionamento ou negócios. O péssimo serviço desse banco é apontado em todas as regiões do país. Já o NUBANK aparece como campeão em excelência de relacionamento com os clientes.

Presidente da APALCA

Ainda falando no Sucesso da Bienal Internacional do Livro de Alagoas, destaque para a participação do grande número de escritores alagoanos, com lançamentos de livros durante esta semana do evento. A Academia de Letras e Artes de Palmeira dos Índios (APALCA), sob a liderança da dinâmica escritora, Isvânia Marques, sua incansável presidente, se fez presente com obras de vários seus integrantes. Palmeira é o maior “celeiro” alagoano de bons escritores, em todas as categorias.

Manda quem pode

(BRASÍLIA) – O palácio do Planalto entrou em alerta na terça feira, quando o ministro da Fazenda Fernando Haddad declarou a imprensa que “a Câmara está com muitos poderes, mas não podem ser utilizados para humilhar o Senado e o Executivo”. Sabiam que deveria vir o troco do presidente da Câmara, Arthur Lira, e veio. De imediato Lira cancelou uma reunião que teria com o próprio Haddad, de interesse do governo e disse que achou “inapropriada” a fala do ministro.

Logo surgiram as especulações sobre o desdobramento do caso, mas também ministros e parlamentares correram para serenar o ambiente. O ministro se desculpou e disse que foi mal interpretado.

Tem dono

O senador Renan Calheiros na tentativa de ampliar seus tentáculos de mando fez ver ao entorno de Lula que desejaria em sua cota de cargos em Alagoas, o Porto de Maceió e o Incra. Sabia que não levava, mas quis testar. A resposta veio rápido: NÃO, já tem dono. Coincidentemente ambos os órgãos estão na lista de Arthur Lira, que ainda não sentou com o presidente com essa pauta. Ao que parece, Calheiros terá que se contentar com as sobras.

Por um fio

(BRASILIA) – Aqui por Brasília, nos corredores da Câmara e do Senado já é tida como certa a prisão de Bolsonaro. Não bastasse todo um enredo de trapalhadas pendentes, dois fatores serão aos determinantes para a esperada condenação. A descoberta da farsa das joias envolvendo o ex-presidente, sua mulher, o ajudante de ordens e o pai (ambos militares do Exército), além do advogado Wassef, também envolvido na trama e pra completar a esperada delação do blogueiro Delgatti, com envolvimento entre Bolsonaro e a deputada Carla Zambelli.

Pílulas do Pedro

Muito dinheiro a vista, começam a surgir os “defensores” das vítimas da Braskem.

Um fiasco a programação do Festival de Inverno de Palmeira dos Índios. Sem cultura, poucos visitantes e muita decepção.


Pedro Oliveira por Pedro Oliveira

Jornalista e escritor. Articulista político dos jornais " Extra" e " Tribuna do Sertão". Pós graduado em Ciências Políticas pela UnB. É presidente do Instituto Cidadão,  membro da União Brasileira de Escritores e da Academia Palmeirense de Letras.

Todos os direitos reservados
- 2009-2024 Press Comunicações S/S
Tel: (82) 3313-7566
[email protected]