Dólar com. 5.1318
IBovespa 0.58
24 de abril de 2024
min. 23º máx. 32º Maceió
chuva rápida
Agora no Painel Nova vacina contra a covid-19 chega à população em 15 dias
09/03/2024 às 12h00

Blogs

Renans na CPI

Agência Senado


PARA REFLETIR - Dizem que o senador Renan Calheiros anda insone e quando dorme sonha com a CPI que ele mesmo criou e no sonho é “engolido” por ela.

Renans na CPI

Para o senador Rodrigo Cunha, membro da CPI da Braskem e eu concordo com ele, não tem como o senador Renan Calheiros e seu filho ministro, não sejam convocados para depor no plenário para ser confrontados sobre os “negócios” de ambos com a criminosa empresa que acabou com uma parte de Maceió. Em pauta devem estar a passagem do pai, como diretor da Braskem e ao filho o “compadrio”, na falta de fiscalização das atividades criminosas, além de estranhas relações na indenização de um pequeno imóvel do ministro e outro de sua tia, ao que se conta, com valores bem acima do mercado.

Onde apertar, sai pus

Em Palmeira dos Índios a situação administrativa do município beira a calamidade pública. Setores vitais como saúde, educação e assistência social funcionam precariamente, prejudicando toda a população. Essa semana o Ministério Público realizou inspeção no Mercado Público de Palmeira dos Índios e encontrou uma baderna geral. De acordo com o promotor de Justiça Lucas Mascarenhas, durante a fiscalização, foram identificados diversos problemas, a exemplo do descarte irregular de resíduos sólidos e a ausência de acessibilidade para pessoas com deficiência. Mais grave ainda são as suspeitas de desvios financeiros na prefeitura, coisa que o Tribunal de Contas finge não saber. A situação em Palmeira é assim: onde apertar, sai pus.

Cassa ou não cassa

Após o pleito passado (2022), acatando denúncias feitas pelo senador Rodrigo Cunha, pedindo a cassação dos mandatos do governador Paulo Dantas e de Calheiros Filho, por abuso de poder político e econômico, o procurador eleitoral, Henrique Cadete, acatou as denúncias e pediu ao TRE a cassação da dupla e do vice-governador Ronaldo Lessa. Desde lá o caso vem se arrastando a passos de tartaruga. Passado agora para as mãos do diligente desembargador Alcides Gusmão, resta a possibilidade do julgamento para logo. Pessoas influentes do mundo jurídico opinam que se o julgamento for pra valer, haverá cassação ... ou não.

Profissão, politico

(BRASÍLIA) - Tragicomédia nacional, de como a política virou profissão. Se dependesse de escolhas de cada um, a política seria a primeira profissão na maioria dos brasileiros

Trabalham três dias na semana, gozam de mordomias como moradia, transportes, verbas de gabinete, passagens aéreas, cargos para empregar parentes e aderentes e muitos ainda levam por fora, uma boa grana e conseguem enriquecer com a profissão. Nos estados a coisa se repete em proporções muito parecidas. Para exercer a “profissão”, não precisa estudar, comprovar experiência ou apresentar currículo, basta ser sabido e competente na arte de enganar e “fazer negócios”.

Almas penadas do TC

Muitas denúncias na imprensa local sobre os mais de 100 servidores “fantasmas” no Tribunal de Contas e eu me pergunto: será que esse povo vai tomar vergonha um dia? Claro que não, pois é bom, engorda e deve fazer bem a saúde, além de punição zero para os infratores. Falo com a autoridade de quem foi diretor geral da Corte, onde eu conhecia como “almas penadas”.

Fantasmas à parte, os servidores do TC têm reclamado do retardamento dos seus salários, mesmo o órgão recebendo o duodécimo rigorosamente em dia. Será que estão colocando o dinheiro pra chocar?

Handerson Cabral

(BRASILIA) O engenheiro Handerson Cabral, presidente da Cia do Metropolitano de Brasília -Metrô/DF, (ex-Denit e ex-VALEC) navega no conceito como um dos mais competentes executivos do setor público no país. Por onde passa deixa sua marca de empreendedor ético e eficiente. Colocou o transporte ferroviário literalmente nos trilhos, estruturou o setor e o preparou para grandes avanços. Atualmente, na presidência do Metrô/DF, cumpre a tarefa, dada pelo governador Ibaneis Rocha, modernizando e implantando novas expansões, pra servir aos usuários de Brasília.

Arthur Lira, o líder

O auditório e dependências próximas ficaram superlotados no Hotel Ritz nesta quinta-feira, durante o encontro promovido pelo PP, para anunciar novas filiações ao partido. A grande atração da festa política, o deputado Arthur Lira, presidente da Câmara, s mostrando feliz, com a receptividade por parte de expressivas lideranças políticas do interior, festejou o sucesso do evento e convocou a todos “para a corrida vitoriosa que já começou”.  Lira deu uma visível demonstração de sua capilaridade eleitoral.

O papel da mulher

(BRASÍLIA) - No mês de luta pelos direitos da mulher, a procuradora da Mulher da Câmara, deputada Soraya Santos (PL-RJ), ressaltou que a presença feminina na política vai muito além de discutir temas geralmente associados a mulheres, como violência doméstica. “A mulher quando vai para a política, ela não vai por uma estrutura de poder, ela vai para defender o autismo, políticas para o câncer, ela vai por causas, porque ela tem dupla jornada, e o olhar dessa mulher é importante para corrigir distorções na nossa legislação”, disse


Pedro Oliveira por Pedro Oliveira

Jornalista e escritor. Articulista político dos jornais " Extra" e " Tribuna do Sertão". Pós graduado em Ciências Políticas pela UnB. É presidente do Instituto Cidadão,  membro da União Brasileira de Escritores e da Academia Palmeirense de Letras.

Todos os direitos reservados
- 2009-2024 Press Comunicações S/S
Tel: (82) 3313-7566
[email protected]