Dólar com. 4.7295
IBovespa 0.58
28 de maio de 2022
min. 23º máx. 32º Maceió
chuva rápida
Agora no Painel Trabalhadores nascidos em setembro podem sacar até R$ 1 mil do FGTS
24/01/2022 às 12h20

Blogs

Estratégia de guerra bolsonarista

Jair Bolsonaro já conversa com marqueteiros sugeridos por alguns de seus ministros e por Valdemar Costa Neto, “mandachuva do PL”, para a campanha de sua reeleição. A ideia esbarra no filho “zero dois” do presidente, o vereador Carlos Bolsonaro (Republicanos-RJ), a quem se atribui a estratégia da campanha digital vitoriosa do pai em 2018.

Há quem diga que políticos do Centrão que participam do núcleo da campanha, defendem contratar um marqueteiro do ramo, mas os bolsonaristas mais ligados à "direita raiz" e o próprio presidente confiam no tino de Carlos, a quem já respondiam os integrantes do grupo conhecido no Palácio do Planalto como "gabinete do ódio". Valdemar chegou a sugerir o marqueteiro Duda Lima, de sua “absoluta confiança”. 

Mas, pelo visto e ouvido, Carlos Bolsonaro se manterá mesmo no comando das redes sociais do pai, como “general”, estimulando a guerra virtual para atacar opositores e desafetos do governo. 

E quem será o marqueteiro com fôlego para enfrentar o “zero dois” sem se queimar com o presidente? Duda Lima?

Duda é presidente da RP propaganda, especialista em Marketing pela Universidade de São Paulo, conferencista em encontros, convenções e seminários em empresas como: Sebrae, TAM, General Motors, Dakota Calçados, Novartis Company. Realiza palestras em todo o território nacional em empresas de grande e médio porte do segmento varejista e de políticas públicas, como prefeituras, universidades e autarquias, abordando temas como: “Planejamento Estratégico”, “Do Planejamento à Implementação” e “Capacitação do Funcionalismo Público”. Grande conhecedor das ferramentas do marketing em todos os níveis. E já trabalhou com êxito em campanhas eleitorais em Mogi das Cruzes, sua terra natal, e algumas outras proporcionais. Leva vantagem junto do presidente Bolsonaro por ser o “indicado” de Costa Neto.

Resumo da ópera: ou o marqueteiro se submete ao “zero dois” do presidente, ou não ficará na campanha, seja ele quem for, Duda Lima com aval de Costa Neto, ou qualquer um outro. Não há meio termo nessa história, a campanha virtual vai vir com disparos de ódio pra todo lado, em especial para Lula e Moro.

É só aguardar.


Ponto Final por Redação

 Blog Político

Todos os direitos reservados
- 2009-2022 Press Comunicações S/S
Tel: (82) 3313-7566
[email protected]