Dólar com. 5.1399
IBovespa 0.58
16 de agosto de 2022
min. 23º máx. 32º Maceió
chuva rápida
Agora no Painel CNJ apura denúncias de assédio sexual contra juiz do trabalho de SP
27/07/2022 às 09h40

Blogs

Guerrilha contra Tebet

Reprodução GloboNews


A ala lulista do MDB berrou, esperneou, tentou evitar a convenção do partido para homologar a candidatura da senadora Simone Tebet à presidência da República, mas deu com os burros n´água. 

O Supremo Tribunal Federal (STF), por decisão do ministro Edson Fachin, manteve a convenção. E, falando sério, não há nenhuma motivação jurídica para impedi-la!

Mas os emedebistas-lulistas não param por aí.

Lula teria sido chamado pela ala emedebista que o apoia para a guerrilha contra a candidatura de Tebet. 

Segundo o blog da jornalista Denise Rothenburg, do Correio Braziliense, o ex-presidente teria ligado para o senador Tasso Jereissati, na tentativa de formar no Ceará um palanque entre o PT e PSDB depois do rompimento entre o PDT de Ciro Gomes e os petistas. Lá, o MDB já apoia Lula e, agora, a ideia é atrair os tucanos, tirando Tasso da chapa de Tebet.

Ou seja, a ideia é reduzir ao máximo a chance de um segundo turno na disputa presidencial, mantendo a polarização Direita versus Esquerda.

É difícil avaliar pela visão esquerdista de que, nesse caso, seja Lula o vencedor, mas uma coisa é certa, quem bater o pé com firmeza em “Não eles” (Lula e Bolsonaro), a votação nula ou em branco para presidente do Brasil terá um crescimento gigante na eleição deste ano.

E a quem isso ajuda?


Ponto Final por Redação

 Blog Político

Todos os direitos reservados
- 2009-2022 Press Comunicações S/S
Tel: (82) 3313-7566
[email protected]