Dólar com. 4.9938
IBovespa 0.58
24 de fevereiro de 2024
min. 23º máx. 32º Maceió
chuva rápida
Agora no Painel Vigilância Sanitária apreende 500 kg de produtos vencidos na Levada
12/02/2024 às 13h00

Cultura

JHC prestigia desfile da Beija-Flor que homenageou Maceió

Escola é uma das mais tradicionais do Rio de Janeiro e levou a cultura da capital para a Marquês de Sapucaí

Fonte: Reprodução

Pela primeira vez na história Maceió foi tema de samba enredo de uma escola de samba no Rio de Janeiro. Na noite deste domingo (11) a Beija-Flor de Nilópolis levou a capital alagoana para a Marquês de Sapucaí com o tema: Um delírio de Carnaval de Maceió de Rás Gonguila. O prefeito JHC prestigiou o desfile acompanhado da primeira-dama Marina Candia.

“Esse desfile representa o resgate da nossa cultura, da nossa história, mostrando Maceió não só para o Brasil, mas para o mundo. O desfile passa em quase 200 países, levando nossas tradições e nossas belezas. Sem dúvidas, esse momento marcará a história da nossa querida Maceió, refletindo positivamente no turismo e na nossa economia”, destacou o prefeito.

O enredo foi desenvolvido pelo carnavalesco João Victor Araújo, que contou a história de Rás Gonguila, engraxate que nasceu como Benedito dos Santos, em meados do início do século passado, em Maceió. Os relatos mais antigos sobre Rás Gonguila remetem à década de 1930, quando fundou a agremiação Cavaleiro dos Montes, que fez história na capital alagoana.

Como engraxate, Gonguila ganhava a vida trabalhando com sua cadeira estacionada nas proximidades do Café do Cupertino, no Ponto Central de Maceió. E foi justamente isso que o ajudou a ser figura importante do carnaval alagoano.

O público que foi prestigiar a primeira noite de desfiles do Rio de Janeiro pode conhecer, além da história de Rás Gonguilla, a cultura de Maceió. Os carros alegóricos levaram a renda, os folguedos e a tradição da capital alagoana para a Sapucaí.

Mais de três mil pessoas participaram da apresentação, entre eles, os filhos de Rás Gonguilla, influenciadores digitais alagoanos, o cineasta Cacá Diegues, e as rendeiras do Pontal da Barra.

A Beija-Flor de Nilópolis é uma das escolas mais tradicionais do Rio de Janeiro. Com a cultura alagoana em destaque, a escola espera conquistar o 15º título da história.

Os desfiles das escolas de samba do Rio de Janeiro contam com transmissão ao vivo da TV Globo e cobertura de mais de 150 veículos de comunicação do Brasil e do mundo.


Fonte: Secom Maceió

Todos os direitos reservados
- 2009-2024 Press Comunicações S/S
Tel: (82) 3313-7566
[email protected]