Dólar com. 3,888
IBovespa -1.98
21 de agosto de 2019
min. 22º máx. 28º Maceió
sol com poucas nuvens
Agora no Painel Campos Neto nomeia presidente da Unidade de Inteligência Financeira
11/02/2019 às 13h17

Entretenimento

Participantes do BBB19 são investigados por racismo

Processo corre sob sigilo na Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância

Reprodução / TV Globo

A Decradi (Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância) do Rio Janeiro instaurou um inquérito nesta segunda-feira (11) para apurar casos de racismo que estão ocorrendo dentro do Big Brother Brasil 19. Segundo informações da Polícia Civil ao portal 'Universa', o processo corre sob sigilo.

As declarações mais recentes consideradas racistas foram dadas por Maycon e Paula. No último sábado (9), Maycon afirmou que "sentiu arrepios" ao ver Gabriela e Rodrigo, que são negros, dançando uma música de Jorge Aragão.

"Cumprimentei, conversei e de repente eu senti um arrepio. Começou a tocar umas músicas esquisitas. De repente, comecei a olhar e escutar uns negócios. Aí veio Jesus Cristo em minha mente [e disse]: 'Se fizer igual a eles, eles ganharão mais força'. Eu não sou doido", falou.

Em conversa com Hariany, Paula afirmou que tem medo de religiões de matriz africana: "Eu tenho muito medo do Rodrigo. Ele fala o tempo todo desse negócio de Oxum deles lá, que ele conhece. Eu tenho medo disso, mas nosso Deus é maior", completou.


Fonte: Notícias ao Minuto

Todos os direitos reservados
- 2009-2019 Press Comunicações S/S
Tel: (82) 3313-7566
[email protected]