Dólar com. 5.647
IBovespa -0.62
28 de outubro de 2021
min. 23º máx. 30º Maceió
chuva rápida
Agora no Painel Boletim Covid-19: Alagoas registra 41 novos casos e duas mortes
05/10/2021 às 20h00

Entretenimento

Restaurante promove tributo à Legião Urbana, em Maceió

Data foi escolhida em alusão aos 25 de saudades de Renato Russo

Divulgação

Muito mais que uma banda, a Legião Urbana é um movimento que atrai e influencia admiradores há 39 anos. O posicionamento social, político e até cultural influenciou o pensamento de várias gerações e o repertório é mais atual que nunca.

O grupo de Brasília deixou um legado que transcende o tempo, mesmo depois da morte prematura de Renato Russo, há 25 anos. Este mês, ele completaria 61. E para manter essa memória viva, o restaurante Legionários promove o “Tributo à Legião – Do início à eternidade”, na segunda-feira, 11 de outubro, a partir das 18 horas.

Thales Tenório, o proprietário da casa, conta sempre foi um admirador e fez questão de deixar isso bem claro ao escolher o nome do empreendimento que te a temática de rock bar e é especializado em carnes na parrilla. 

“Decidi homenagear minha banda preferida quando abri a casa. O nome deixa isso bem claro e faz, também, uma alusão ao nosso ideal: ter um público ‘legionário’, que gosta de estar junto, apreciando uma boa carne e uma música de qualidade. E neste Tributo, em particular, vamos muito além de uma apresentação musical: faremos um tour, com conteúdo audiovisual, com o restaurante totalmente decorado, temático; para que todos conheçam essa inesquecível história”, explica. 

Temática

“Do início à eternidade” vai começar contando a história do Trovador Solitário: a fase em que Renato Russo fazia apresentações solos, no formato voz e violão. Em seguida, relembra a época do Aborto Elétrico, primeira banda de Renato, movimentando a cena da região Centro-Oeste, sendo a principal da época. 

A célebre história da Legião Urbana vem em seguida, passando pela trajetória solo de Renato Russo, quando dois discos foram gravados.

Banda

Os músicos que vão comandar o Tributo têm algo em comum: todos integram a legião de fãs! Principalmente, das faixas que compõem o chamado “Lado B”. 

A seleção é regida por Lay Brandão (Clandestine e solo – voz e violão); acompanhada por Michael Morais e André Rodrigues (Gigavoltz | Love do bom e Monotrama - voz e guitarra); Larih Silva (Cladestine - Baixo) e Bruno Sousa - Bateria (Clandestine).

Lay Brandão, que vai conduzir essa viagem no tempo, diz que esse som deve predominar na trilha sonora do evento. 

“O repertório está recheado de sucessos que serão executados em ordem cronológica, até o último álbum de estúdio. Será emocionante e certamente vai resgatar muitas memórias”, ressalta.

Serviço

• Onde: Legionários – Boteco de Carnes = Avenida Doutor Mário Nunes Viêira, 230, Jatiúca (paralela à João Davino).

• Quando: Segunda, 11 de outubro, a partir das 18 horas.

• Ingressos: Individual, R$ 30,00. Mesa para dois, R$ 50,00. Mesa para quatro: R$ 90,00.

• Vendas: (82) 9.9989.0101


Fonte: Assessoria

Todos os direitos reservados
- 2009-2021 Press Comunicações S/S
Tel: (82) 3313-7566
[email protected]