Dólar com. 3,901
IBovespa -3.1
23 de março de 2019
min. 24º máx. 34º Maceió
chuva rápida
Agora no Painel Governo quer tirar do papel acordo de livre comércio com Chile
11/03/2019 às 09h58

Geral

Confira a coluna de Felipe Camelo deste mês de março

Cenário e figurino criados por Agélio Novaes - Acervo Pessoal

Por Felipe Camelo

Como nas edições anteriores, personagens reais, produtivos, vitoriosos. Em suas áreas, referências e exemplos. Como em fevereiro, com o incrível trabalho de qualificação profissional e social que os irmãos Ralph & Ronald Vasco promovem com os 471 colaboradores da V2 Construções.

Nesta edição, também, profissionais pra lá de talentosos, ousados, criativos, que colocam Alagoas de forma positiva e operante na vitrine do mundo. Coinci­den­te­mente, são, os 4, queridos meus da vida toda, e assim será pra além dela. Mas não é por isso que estão aqui. É público e notório que priorizo destacar pessoas de bem e do bem, que vêm escrevendo lindas histórias, pessoais e profissionais. 

Agélio Novaes, artista plástico que domina várias técnicas, cujas obras conquistam admiradores e colecionadores. Em suas colagens, a luz e as transparências me emocionam. Nas esculturas, a textura é convite ao toque, tudo muito belo e real. Mas ele não para por ai. Aceitou o desafio de criar cenários, figurinos, adereços... pra espetáculos de música e teatro. E os convites seguem. Sua assinatura, é, literalmente, 1 atrativo a +. Formado em Desenho Industrial,  carrega fortes referências técnicas, destacando traços pessoais e intransferíveis. 

Patrimônio Cultural e Imaterial de Alagoas, a renda ‘filé’ foi transformada pelo talento e bom gosto estético do designer e estilista Fernando Perdigão, que conta com as mãos habilidosas de Manoel Augusto, monitor de seu projeto de capacitação de novos artesãos, misturando materiais naturais, como a palha e a taboa com linhas de algodão e seda, resultando em incríveis luminárias, painéis, cestaria... na moda, apresentou coleção utilizando materiais inusitados e nada ‘nobres’, como telas plásticas bordadas como ‘TNT’ (tecido não tecido), e o resultado? A passarela da Semana de Moda de Recife, inclusive. A coleção seguinte? Na + pura linha de seda, com + 1 inovação e descoberta. Bordar o filé sem a tradicional rede, na nova trama, tela e bordado se confundem e se mesclam. Os próximos passos? É aguardar...

Arquiteto desde 1986, Lúcio Moura soube registrar os ensinamentos de seus professores, e logo começou a trabalhar, aceitando grandes desafios e res­pon­sabilidades. Mas como diz, “Quando fazemos o que amamos, torna-se diversão”. Desde cedo, teve influência de sua icônica mãe, Anamália, principalmente “A escala que sempre usei, espaço com pé direito duplo e amplitude. Priorizar a qualidade, sobrepondo a modismo e imediatismo, é 1 grande diferencial”. Seu escritório abriga sua imponente e valiosa coleção de arte focada em mobiliário dos séculos XVII a XIX, traduzindo muito bem “O Lúcio arquiteto o pessoa, o Lúcio Moura”. Que brincando, chamo de Luxo Moura. Luxo como os outros 3 artistas aqui editados por méritos próprios, por merecimento. Cada 1 com estilos próprios, pessoais e inconfundíveis, e que agora podem ser admirados em São Paulo, Minas, Pernambuco, Bahia, Rio de Janeiro...sejam condomínios, residências ou hotelaria.

Ainda garoto, estudando artes plásticas, 1 fotógrafa carioca “me apresentou ao universo da fotografia”. E Reynaldo Gama Júnior não parou +. Aproveitou sua linda irmã, Verinha, como ‘cobaia’, e juntos foram descobrindo talentos, ela, como modelo, e ele, como fotógrafo. “Tudo era apenas uma brincadeira, não poderia eu, imaginar que, o amor pela arte me faria percorrer o mundo, estudando e trabalhando nessa profissão que jamais deixei de amar”. Depois de rodar, morando nos lugares + badalados do planeta, conhecendo, convivendo e fotografando personalidades do “jet set internacional”, seus trabalhos valorizaram mutas capas de revistas, redendo, inclusive, reconhecimentos e prêmios. Mas, com tantas estrelas ‘congelas’ pelas suas lentes, “as pessoas mais importantes foram minha mãe, minha irmã, muitos amigos do peito”.



Fonte: Painel Alagoas

Todos os direitos reservados
- 2009-2019 Press Comunicações S/S
Tel: (82) 3313-7566
[email protected]