Dólar com. 3,888
IBovespa -1.98
06 de dezembro de 2019
min. 24º máx. 32º Maceió
sol com poucas nuvens
Agora no Painel ANS suspende temporariamente a venda de 56 planos de saúde
03/12/2019 às 20h30

Geral

Acidentes na infância: profissionais aprendem sobre prevenção

Buscado capacitar os profissionais que atendem nas unidades de saúde do município sobre prevenção de acidentes na infância, a Gerência de Atenção à Pessoa com Deficiência (GAPD) da SMS por meio do Núcleo de Prevenção à Deficiência, promoveu na tarde dessa segunda-feira (2), mais uma Oficina de Capacitação em Prevenção de Acidentes na Infância. O treinamento, que foi direcionado para profissionais do 7º Distrito Sanitário e do Centro Especializado em Reabilitação (CER) III do Pam Salgadinho, aconteceu no auditório da SMS.

De acordo com Rosivânia Nascimento, fisioterapeuta e técnica responsável pela ação do Núcleo, a prevenção de acidentes na infância é um dos eixos de trabalho da Gerência. “Depois que a criança nasce, existem diversas formas de prevenir deficiências. Algumas medidas são tomadas no pré-natal, outras no momento do parto e outras após nascimento, que são acidentes a que elas estão expostas como queimaduras, quedas, acidentes de carro que podem gerar uma deficiência por toda a vida, então é nesse último caso que queremos atuar, já que 70% dessas deficiências são preveníveis”, explicou.

“É importante capacitar os profissionais da Atenção Básica, pois eles são a porta de entrada para os pacientes. Assim, buscamos formar uma equipe que possa atuar com segurança e qualidade junto à população, sempre focada no acolhimento, na orientação e assistência”, completou Rosivânia Nascimento.

Dividida em dois momentos – um teórico e outro de prática de primeiros socorros na infância, fazendo uso de manequins – a oficina é realizada em parceria com a Fundação Cordial, que administra o Hospital do Coraçãozinho, cuja técnica empregada foi desenvolvida pelo médico pediatra Cláudio Soriano, presidente da Fundação. Soriano ensinou para os profissionais presentes na oficina os primeiros socorros a crianças vítimas de acidentes, de modo que eles posam ser multiplicadores desse conhecimento tanto em seu local de trabalho quanto junto a seus familiares.

Além dos ensinamentos práticos, o pediatra discutiu ainda questões referentes a índices de mortalidade infantil e suas causas, a garantia dos direitos da criança e do adolescente e reforçou a necessidade de uma alimentação adequada, principalmente na primeira infância com o aleitamento materno, não só como fonte de nutrição, mas de desenvolvimento afetivo entre a criança e a mãe.

Durante a capacitação também foram distribuídas orientações sobre a elaboração de um plano de trabalho dentro das unidades e Centros Especializados com base na ferramenta 5W2H, que é uma planilha utilizada para facilitar o processo construtivo de um Plano de Ação pelas equipes profissionais. Sua elaboração responde a cada etapa do processo: WHAT (O que será feito?); WHY (Por que será feito?); WHERE (Onde será feito?); WHO (Por quem será feito?); WHEN (Quando será feito?); HOW (Como será feito?); e HOW MUCH (Quanto custará fazer?).


Fonte: Ascom SMS

Todos os direitos reservados
- 2009-2019 Press Comunicações S/S
Tel: (82) 3313-7566
[email protected]