Dólar com. 5,218
IBovespa 2,00
06 de agosto de 2020
min. 23º máx. 25º Maceió
chuva rápida
Agora no Painel Caixa manterá calendário de saque do FGTS mesmo após fim da MP 946
31/07/2020 às 11h26

Geral

É falso que vitamina D cure ou previna a Covid-19

O Ministério da Saúde e várias entidades médicas emitiram nota afirmando que é falsa a informação

Agência Alagoas

Circula nas redes sociais de Alagoas um vídeo em que um homem apresenta a gravação de uma suposta médica afirmando que a verdadeira causa da Covid-19 é a falta de sol. A informação é falsa.

Nas imagens, a pessoa mostra um suposto estudo que correlacionaria os casos do novo coronavírus com os níveis de vitamina D no organismo. “A vitamina D acima de 80 a pessoa nem sequer percebeu que tinha pego o vírus, mas todos os casos que tinham vitamina D abaixo de 17 morreram. O que significa isso? Que nossa verdadeira pandemia mundial é a falta de sol”, diz a mulher no vídeo com informações falsas.

Ainda no vídeo, um professor da Unifesp (Universidade Federal de São Paulo) é citado como suposto autor do estudo, no entanto a única publicação da instituição sobre o tema é um artigo de opinião do docente, que não pode ser considerado um estudo científico.

O Ministério da Saúde considera falsa a informação. “Até o momento, não há nenhum medicamento específico ou vacina que possa prevenir a infecção pelo novo coronavírus”, informa o ministério.

Em abril, a Associação Brasileira de Endocrinologia e Metabologia e a Associação Brasileira de Avaliação Óssea e Osteometabolismo emitiram uma nota conjunta repudiando recomendações da utilização de altas doses de vitamina D como estratégia de combate ao novo coronavírus.

De acordo com as instituições médicas, não existe nenhum estudo clínico randomizado que demonstre uma relação de causa e efeito entre os níveis de vitamina D no organismo e o novo coronavírus, não havendo qualquer benefício no uso de vitamina D para prevenção ou tratamento da doença.

“Dessa forma, reforçando o compromisso da SBEM e da ABRASSO com a divulgação de informações corretas, relevantes e com respaldo científico, reprovamos de maneira veemente qualquer profissional ou associação que tente se aproveitar deste momento de crise para divulgar notícias ou posicionamentos distorcidos, desprovidos de respaldo científico e com possível impacto deletério para a saúde da população brasileira”, conclui a nota.

Alagoas Sem Fake

Com foco no combate à desinformação, a editoria Alagoas Sem Fake verifica, todos os dias, mensagens e conteúdos compartilhados, principalmente em redes sociais, sobre assuntos relacionados ao novo coronavírus em Alagoas. O cidadão poderá enviar mensagens, vídeos ou áudios a serem checados por meio do WhatsApp, no número: (82) 98161-5890. Clique aqui para enviar agora.


Fonte: Agência Alagoas

Todos os direitos reservados
- 2009-2020 Press Comunicações S/S
Tel: (82) 3313-7566
[email protected]