Dólar com. R$ 4,132
IBovespa +1,58%
18 de outubro de 2018
min. 23º máx. 32º Maceió
chuva rápida
Agora no Painel Candidatos à Presidência se reúnem com católicos e evangélicos
13/06/2018 às 08h00

Política

Congresso é iluminado de rosa para conscientizar sobre doença pulmonar

Jonas Pereira/Agência Senado

As cúpulas do Congresso ficarão iluminadas com a cor rosa, até o dia 15 de junho, para lembrar o mês de conscientização com respeito à linfangioleiomiomatose (LAM), doença rara que ataca os pulmões e que, muitas vezes, é confundida com enfisema, asma ou bronquite. A solicitação foi feita pela Associação dos Portadores de Linfangioleiomiomatose do Brasil (Alambra).

A LAM tem como característica a presença de células musculares atípicas nos pulmões e, atualmente, é considerada uma neoplasia de baixo grau. A evolução da doença é variável. Em alguns pacientes pode permanecer estável, mas, em outros, pode haver a piora progressiva dos sintomas e das funções dos pulmões

Os portadores da doença dispõem de uma série de direitos, entre eles o tratamento fora do domicílio, indicado para pacientes que não encontram o tratamento adequado no município ou estado em que reside. O benefício, instituído pelo Ministério da Saúde, inclui o fornecimento de passagens para o deslocamento e ajuda de custo para alimentação e hospedagem, caso necessário.

Após avaliação médica, os portadores da LAM devem seguir uma rotina com hábitos saudáveis e praticar exercícios físicos sob orientação médica.  Não é recomendada a prática de mergulho e viagens aéreas para regiões de altitude, exceto com autorização médica.


Fonte: Agência Senado

Todos os direitos reservados
- 2009-2018 Press Comunicações S/S
Tel: (82) 3313-7566
[email protected]