Dólar com. 5.6069
IBovespa 0.84
15 de abril de 2021
min. 25º máx. 29º Maceió
pancadas de chuva
Agora no Painel Operação desarticula organização especializada no tráfico de drogas em Anadia e Maceió
05/03/2021 às 07h00

Política

Com reitores de universidades federais, Rodrigo Cunha debate orçamento e desenvolvimento da vacina brasileira

Divulgação

Convidado a participar de reunião dos reitores de universidades federais, o senador Rodrigo Cunha destacou nesta quinta-feira (04) a importância desses centros na pesquisa e produção científica no país, especialmente no desenvolvimento de vacinas brasileiras contra a Covid-19.

Dentro dos laboratórios das grandes universidades brasileiras têm sido desenvolvidos imunizantes nacionais que se somarão àqueles que já foram negociados com empresas estrangeiras. “A evolução das vacinas que nascem nas universidades brasileiras é uma grande notícia para a nossa população neste momento de agravamento da pandemia”, disse Rodrigo.

Durante a reunião, o senador também pontuou que é preciso aumentar o diálogo do governo, do Legislativo e da sociedade com as universidades. Ele aponta que uma maior interação trará mais eficiência nos gastos da gestão pública e ganho de tecnologia e produtividade à iniciativa privada. A chave, diz, é a transferência de tecnologia da academia a serviço dos diversos setores da sociedade.

Os reitores manifestaram preocupação quanto ao enxugamento do orçamento para Ciência, Pesquisa e Inovação. O orçamento previsto para este ano é 26% menor do que o do ano passado. Dos R$ 10,4 bilhões que serão destinados para o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI), apenas R$ 2,8 bilhões estão previstos para investimentos em pesquisa. Esse valor corresponde a 1/3 do que o MCTI investia em pesquisa dez anos atrás

Rodrigo afirmou que vai trabalhar no Congresso e junto ao governo para que não haja contingenciamento de recursos destinados à pesquisa e às universidades.

A presença do senador Rodrigo na 139ª Reunião do Conselho Pleno da Andifes (Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior)

foi a primeira agenda dele com o setor desde que assumiu a presidência da Comissão de Ciência, Tecnologia e Inovação do Senado (CCT), na semana passada.

Participaram do encontro, que aconteceu remotamente, 66 reitores de universidades federais.


Fonte: Assessoria

Todos os direitos reservados
- 2009-2021 Press Comunicações S/S
Tel: (82) 3313-7566
[email protected]