Dólar com. 4.8238
IBovespa 0.58
26 de maio de 2022
min. 23º máx. 32º Maceió
chuva rápida
Agora no Painel Governo do Estado vai decretar situação de emergência devido às fortes chuvas
02/12/2021 às 12h30

Esporte

Atlético-MG visita preocupado Bahia e garante bi em caso de vitória

A três jogos do fim, Galo tem oito pontos de vantagem para o Flamengo

Pedro Souza/Atlético-MG

O dia que a torcida do Atlético-MG espera há 50 anos pode, enfim, ter chegado. Nesta quinta-feira (2), o Galo enfrenta o Bahia na Arena Fonte Nova, em Salvador, às 18h (horário de Brasília), em partida atrasada da 32ª rodada do Campeonato Brasileiro. Em caso de vitória, o Alvinegro assegura, por antecipação, a taça da competição, que não conquista desde 1971.

O torcedor atleticano tinha expectativa de fazer a festa na última terça-feira (30), mas a vitória do vice-líder Flamengo sobre o Ceará, por 2 a 1, no Maracanã, no Rio de Janeiro, adiou a comemoração. Ao menos aquela oficial, uma vez que o coro de bicampeão já tomou as arquibancadas do Mineirão, em Belo Horizonte, após o triunfo por 2 a 1 sobre o Fluminense, no último domingo (28).

O Galo soma 78 pontos, oito a mais que o Rubro-Negro, com ambos tendo nove pontos a disputar. Em caso de empate ou derrota, a taça pode ser assegurada pelos mineiros na sexta-feira (3), isso no caso de os cariocas não superarem o já rebaixado Sport na Arena Pernambuco, às 20h, com transmissão ao vivo da Rádio Nacional.

O técnico Cuca não poderá contar com os volantes Allan e Jair e com o atacante Diego Costa, todos suspensos, além do zagueiro Réver, contundido. A expectativa é que o treinador mande o Galo a campo com: Everson; Mariano, Nathan Silva, Junior Alonso e Guilherme Arana; Tchê Tchê, Alan Franco, Matias Zaracho e Nacho Fernández; Hulk e Eduardo Vargas.

O duelo também é fundamental para o Bahia, que aparece na 17ª posição, a primeira na zona de rebaixamento, com 40 pontos. O Esquadrão de Aço teve a oportunidade de sair do Z4 na última terça, mas a desperdiçou ao perder por 2 a 1 para o Atlético-GO, no estádio Antônio Accioly, em Goiânia. Os baianos têm que vencer os mineiros para ultrapassarem Athletico-PR e Cuiabá e continuarem dependendo de si para seguirem na Série A.

O lateral Juninho Capixaba, que tem atuado como ponta-esquerda, foi expulso contra os goianos e desfalca o time comandado por Guto Ferreira. O zagueiro Luiz Otávio, com dores no joelho, já não enfrentou o Atlético e é dúvida. O provável Bahia desta quinta terá: Danilo Fernandes; Nino Paraíba, Germán Conti, Gustavo Henrique e Matheus Bahia; Patrick de Lucca, Lucas Mugni e Rodriguinho; Rossi, Raí Nascimento e Gilberto.

Também nesta quinta-feira, o Grêmio recebe o São Paulo na Arena, em Porto Alegre, a partir das 20h, em confronto que pode decretar o rebaixamento dos anfitriões em caso de empate ou derrota. Os gaúchos somam 36 pontos, na 18ª e antepenúltima posição, seis pontos atrás do Athletico-PR, primeiro time fora do Z4, com nove pontos em disputa. O Tricolor paulista, com 45 pontos, tem de ganhar para se livrar de vez do risco de queda à Série B.


Fonte: Agência Brasil

Todos os direitos reservados
- 2009-2022 Press Comunicações S/S
Tel: (82) 3313-7566
[email protected]