Dólar com. 5,366
IBovespa -1,18
28 de setembro de 2020
min. 24º máx. 29º Maceió
chuva rápida
Agora no Painel TJRJ escolhe desembargadores para processo de impeachment
14/09/2020 às 08h42

Geral

Sou Sabor, a moda da salada no pote

Advogada vira chef, cria cardápios saudáveis e investe nas redes sociais para vender por delivery

Flávio Cavalcanti

Andreia Santana, advogada, criou a salada no pote e deu vida a uma empresa chamada Sou Sabor, que atende a um público fitness em Maceió. A queridinha do car­dá­pio é a Tropical, com massa, frutas e folhas, explica a empresária, que só atende por delivery e a pessoas que buscam emagrecer através da reeducação ali­mentar, sob orientação médica. “Nor­malmente, essas pessoas estão numa faixa etária de 30 a 60 anos”, destaca.

Mas como uma advogada foi parar numa cozinha e preparar saladas para sobreviver? Andreia conta que sempre frequentou academias de ginástica, adepta a dietas alimentares, e acabou tra­balhando em um município onde não havia nenhuma opção nesse sentido. Aí ela precisou se reinventar, pesquisou, foi a fundo, e surgiu a ideia de fazer saladas, colocar em um pote (uma prática já então muito usada nas regiões Sul e Su­des­te do país), e leva-lo com ela pa­ra o trabalho, depois passou a le­var à praia quando estava em Maceió, e a outros locais que ia e precisava se alimentar.

“Os amigos foram vendo, começaram a me pedir para com­partilhar com eles, e como gosto muito de cozinhar, criar essas sa­ladas tornou-se, a princípio, um hobby, mas a demanda foi crescendo e eu achei que esse poderia ser um caminho profissional”, diz Andreia, acrescentando que a essa época já pensava em deixar o interior e voltar para Maceió. “Era uma oportunidade e me apeguei a ela, acreditei nela”, reforça.

“Falei com um primo meu, que é da área de Marketing, criei o nome e ele a logomarca, o resto foi con­se­quência de trabalhar bem o pro­du­to”, completa, lembrando que não tem loja física, só virtual. Para os car­dápios, a empresária conta que divi­de a criação com a filha, nutri­cionis­ta. “A maioria de quem nos pro­cura quer saladas que te­nham sem­pre um carboidrato sau­dável, batata doce, macarrão de arroz, abóbora e uma proteína”, informa Andreia, citando ainda como ingredientes as folhas.

Os cardápios são refeitos a cada seis meses, e ela revela que sua clientela não gosta muito de mudanças no dia-a-dia, mas ga­rante a qualidade de cada ingrediente que vai ao pote. Segundo Andreia, a sua vontade era trabalhar com produtos cem por cento orgânicos, mas lamenta que essa produção em Alagoas é precária e o custo muito alto, não tem como tirar isso do consumidor.

“Compro meus produtos de um mesmo fornecedor há dois anos, gosto da qualidade dele, sempre tem produtos novos, e quando quero alguma fruta ou folha diferente, eu vou ao Palato (supermercado, com endereços na Ponta Verde e Farol), mas só quando preciso fazer saladas em quantidade para algum almoço ou jantar”, diz, lembrando que esse também é um serviço da Sou Sabor. “É um dos nossos carros-chefes, saladas especiais para almoços ou jantares”, repete Andreia.

Durante esses seis primeiros meses da pandemia de Covid, a Sou Sabor teve uma queda em sua de­manda de 70%. “O problema não foi o delivery, a gente já trabalhava com essa logística antes, é que muita gente, com o isolamento social, co­meçou a fazer sua própria comida em casa, eu fiquei sem uma fun­cionária, não foi fácil no início”, queixa-se e ressalta:

“Quando eu digo que o futuro da Sou Sabor é incerto, é porque nossa cultura ainda está muito longe de hábitos saudáveis e, se antes já era complicado manter uma em­pre­sa à base de saladas e sucos, agora, é difícil prever, mas não vou desistir, vou partir para outras inovações que sustentem minha empresa”.

Andreia Santana está fazendo pós-graduação em gastronomia e já sabe que o lançar para a próxima estação: sucos à base de abacaxi e morango. E faz suspense: “há ou­tras ideias, mas ainda são segredos”.

SERVIÇO

Sou Sabor

Contato: (82) 99992-6942


Fonte: Painel Alagoas

Todos os direitos reservados
- 2009-2020 Press Comunicações S/S
Tel: (82) 3313-7566
[email protected]