Dólar com. 4.8238
IBovespa 0.58
25 de maio de 2022
min. 23º máx. 32º Maceió
chuva rápida
Agora no Painel Governo do Estado vai decretar situação de emergência devido às fortes chuvas

Blogs

Hemerson Casado, o Davi contra Golias

O PSDB |Alagoas apresentou a pré-candidatura do médico Hemerson Casado a deputado federal na eleição deste ano

24.05.2022 às 09:00


Hemerson é portador de Esclerose Lateral Amiotrófica (ELA) desde 2012, uma doença que afeta o sistema nervoso de forma degenerativa e progressiva e acarreta paralisia motora irreversível, mas engana-se quem pensa que isso condiciona o médico a uma vida vegetativa.

Ao contrário, além de se dedicar aos estudos e pesquisa sobre a doença, ele coordena o Instituto Hemerson Casado, trabalha como cardiologista da Prefeitura do Pilar através da telemedicina, avalia e assina laudos de eletrocardiograma para clínicas médicas, está concluindo seu mestrado em neurociências, coordena duas startups de biotecnologia, é pesquisador da Fundação Osvaldo Cruz e consultor do Ministério da Saúde para o programa de educação continuada de doenças raras no país.

De forma que, não se pode dizer que as limitações da doença o impedem de viver e, muito menos, de fazer política.

Ou seja, está preparadíssimo para disputar uma vaga na Câmara dos Deputados.

Como fará campanha para chegar lá? Certamente com a inteligência privilegiada que tem e a determinação de vida que não lhe falta.

E se for eleito, Alagoas terá um representante no Congresso Nacional voltado a fortalecer e ampliar a política pública de saúde que salva vidas.

Postado por Ponto Final

Caldas no Senado

23.05.2022 às 14:44


A médica Eudócia Caldas (PSB) assume na próxima terça-feira, 24, o mandato de Senadora da República pelo estado de Alagoas.

Mãe do prefeito de Maceió, JHC (PSB), Eudócia já foi prefeita do município de Ibateguara, na Zona da Mata alagoana. 

Agora, como suplente do senador Rodrigo Cunha (UB), que tirou licença do mandato por 120 dias para cuidar de sua pré-candidatura ao governo do estado, cabe a ela ocupar a cadeira de Alagoas no Senado Federal.

Em quase quatro anos de mandato, essa é a primeira vez que Rodrigo se afasta para a suplente assumir.

O Senado já expediu convite para a posse.

Traquejo político não falta a Eudócia, que tem marido, filhos e primos na política e teve a sogra, Dona Quiterinha Caldas, comandando a prefeitura de Ibateguara. 

É disciplinada, estudiosa e traz a alagoanidade na alma.

Aguardemos!

Postado por Ponto Final

O poder de quem pode mais

20.05.2022 às 12:00


O presidente nacional do União Brasil, Luciano Bivar, quer viabilizar seu nome como terceira via na disputa presidencial. 

Para isso, já deixou de lado o projeto Moro.

Sérgio Moro está para o União Brasil, assim como João Dória está para o PSDB. Ou seja, nomes viáveis para encabeçar uma chapa para a presidência da República e rejeitados pelos seus próprios partidos.

Moro está sendo convencido a concorrer ao mandato de deputado federal por São Paulo.

Dória, a executiva nacional do PSDB sequer lhe colocou uma alternativa.

É o xadrez da política no jogo das traições internas.

Em Alagoas, o batido eleitoral também não foge à regra, é o salve-se quem puder, em nome de si mesmo.

Vai vendo, Brasil!

Postado por Ponto Final

Quem é Dória na fila do pão?!

19.05.2022 às 12:00

O nome da senadora Simone Tebet virou consenso entre o MDB, seu partido, o PSDB e o Cidadania para a candidatura da terceira via na disputa presidencial. 

Caberá ao presidente da executiva nacional dos tucanos, Bruno Araújo, levar a notícia ao ex-governador João Dória, que em novembro passado venceu as prévias para ser o candidato de seu partido à presidência da República.

Por mais que esperneie, e com razão, Dória estará fora da eleição presidencial, pelo menos como candidato.

Qual será a compensação, se é que haverá?

PSDB perdeu a palavra dada e mostrou que todo o auê sobre democracia interna em torno das prévias realizadas no ano passado, não passou de conversa pra boi dormir.

Lamentável!

A que chegaram os tucanos! 

Misericórdia!

Postado por Ponto Final

Alvoroço no ninho!

Que molecagem essa do PSDB nacional!

18.05.2022 às 08:40


Inventaram as prévias para escolha de um nome à disputa presidencial, mas não aceitam quem ganhou?!

O vitorioso das prévias, João Dória, era governador de São Paulo, renunciou ao mandato para a missão que tucanos de todo o país confiaram a ele, e agora vai ficar a ver navios??!!! 

Que loucura, hem!

Se a executiva queria outro nome para essa candidatura, não deveria ter realizado prévias, deveria ter tido a Dória que não seria ele o candidato antes de sua renúncia do cargo de governador e partido para negociar com o MDB e Cidadania a chapa dos sonhos da cúpula tucana.

A executiva nacional se reuniu ontem e informou que foi feita uma pesquisa interna sobre a viabilidade do nome do ex-governador João Doria na campanha presidencial.

Claro que a ideia é fazer com que Dória desista da candidatura!

“Vamos assistir amanhã, em nome do PSDB, à apresentação dessa pesquisa, que não será publicada, ela não está registrada, mas servirá para compreensão interna. Mas a gente espera que antes disso tenha a oportunidade de algo tão importante quanto é o diálogo com o governador João Doria”, disse Bruno Araújo, presidente dos tucanos.

E agora, Dória?

Postado por Ponto Final

A carta de Dória

16.05.2022 às 16:45


O ex-governador de São Paulo, o tucano João Dória, cobrou da executiva nacional do PSDB respeito ao resultado da eleição interna da legenda que o definiu como pré-candidato do partido à presidência do Brasil. 

Tem sentido a cobrança do ex-governador paulista.

Em 2021, o PSDB realizou prévias com seus filiados para escolher o candidato ao Palácio do Planalto, Dória venceu nas urnas e em abril passado renunciou ao mandato de governador, portanto, não há razão para os tucanos estarem agora discutindo quem é quem na fila do pão. O candidato deles é, legitimamente, João Dória. 

O que não parece legítima é a pretensão, agora, da executiva nacional do PSDB de querer contratar uma pesquisa para definir a candidatura única da terceira via à Presidência. Isso não foi posto lá atrás, antes das prévias, nem mesmo depois delas.

Para Dória, “há uma tentativa de golpe” contra ele, e em carta enviada ao presidente nacional do partido, Bruno Araújo, o ex-governador de São Paulo reafirmou que não vai desistir da candidatura e indicou que pode judicializar a situação, caso seja abandonado pela sigla.

“Qual foi a nossa surpresa ao saber que, apesar de termos vencido legitimamente as prévias, as tentativas de golpe continuaram acontecendo. As desculpas para isso são as mais estapafúrdias, como, por exemplo, a de que estaríamos mal colocados nas pesquisas de opinião pública e com altos índices de rejeição, cinco meses antes do pleito”, diz Dória em um trecho da carta.

Segundo João Dória, seguirá à disposição da sigla para a “formação de projetos com outras agremiações”, mas reafirma não abrir mão “da posição de protagonista do projeto nacional do nosso partido”.

Bruno Araújo convocou reunião da executiva para amanhã, dia 17, que ocorrerá às vésperas do encontro com os partidos do MDB e Cidadania para escolha de um nome único a ser lançado para a terceira via.

Aguardemos!

Postado por Ponto Final

“Quem sabe faz a hora, não espera acontecer”

15.05.2022 às 12:00


O ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), disse em Salvador, sexta-feira, 13, durante congresso de magistrados brasileiros, que “a democracia passa por um processo de erosão por todo o mundo e que é preciso trabalhar para restabelecê-la”. 

Como exemplo de governos autoritários, Barroso citou países como Hungria, Polônia, Turquia, Rússia, Filipinas, Venezuela, Nicarágua e El Salvador como governos autoritários, além das "turbulências" recentes nos Estados Unidos e no Reino Unido.

E sobre o Brasil, pontuou:

“Temos que restabelecer o mínimo de honestidade intelectual, o mínimo de honestidade aos fatos. O filme da democracia brasileira é bom. Às vezes a fotografia é assustadora, mas o filme é bom. Eu tive cuidado de não dizer nada polêmico aqui porque os tempos não estão para polêmica”.

E destacou: “Tem uma música de Paulinho da Viola (chamada Argumento) que diz que em tempo de nevoeiro, velho marinheiro leva o barco devagar. Não devemos nos deixar impressionar pela fotografia do momento. E é uma fotografia mundial, mas o filme é bom. Sei que vivemos um país difícil, mas isso não desfaz tudo o que aconteceu até aqui".

Barroso também ensinou a lição de casa: 

“Essa ascensão de um processo autoritário e populista se dá por insuficiências da própria democracia. Por isso os que defendem a democracia precisam identificar e trabalhar para restabelecer essa crença que une a todos".

Em tempo: a fala foi cautelosa, mas o recado dado nem tanto! 

Ou seja, como outra canção, a de Geraldo Vandré (Pra não dizer que não falei das flores), segue o mantra:

“Vem, vamos embora, que esperar não é saber, quem sabe faz a hora, não espera acontecer”

Postado por Ponto Final

O que será de João, a opção?

12.05.2022 às 12:00

A bancada tucana na Câmara dos Deputados e Senado Federal quer lançar uma candidatura única unindo Cidadania e MDB à presidência da República. E os parlamentares legitimaram o presidente nacional do PSDB, Bruno Araújo, para costurar essa aliança.

Ou seja, pode cair por terra a pretensão do ex-governador João Dória de ser esse candidato.

Dória e Bruno andaram se arranhando nas prévias da legenda para a escolha do candidato a presidente e chegaram recentemente a trocar farpas pelas redes sociais. Tipo, se depender de Araújo, João Dória fica de fora, arriscam fontes ligadas ao comandante nacional dos tucanos.

Mas, por ora, pero si, pero no, o ex-governador Dória é pré-candidatíssimo a presidente da República, mantendo seu slogan: “Com PSDB e João, você tem opção”.

Aguardemos!

Postado por Ponto Final

Agora vai?

10.05.2022 às 08:40


A Assembleia Legislativa de Alagoas refez o edital para convocação da eleição indireta para governador e vice-governador do estado, por determinação do Supremo Tribunal Federal (STF), e está marcada para domingo, 15, a votação. 

A ALE garante que os prazos e as regras do novo edital estão de acordo com a decisão do STF. Ou seja, não há ponto solto para que se argumente mais judicialmente qualquer falha no processo.

Será?!

Até domingo, muita água ainda pode cair dessa biqueira!

Afinal, o que está em jogo nunca foi a questão legal dessa eleição, mas o seu contexto político, pano de fundo para a guerra de poder entre o senador Renan Calheiros (MDB), padrinho da candidatura do deputado Paulo Dantas para governador-tampão, e o presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP), padrinho da pré-candidatura do senador Rodrigo Cunha ao governo de Alagoas.

Ainda não dá para levantar o braço do vencedor.

Aguardemos domingo!

Embora a decisão final dessa briga política só mesmo em outubro, com o veredito das urnas.

Postado por Ponto Final

Espia pra Arthur Lira...

09.05.2022 às 13:40

Jornalista das mais bem informadas em Brasília, Denise Rothenburg avalia que o Congresso vai viver uma guerra braba nos próximos dois meses e meio que restam para licitar e empenhar recursos antes do período oficial das campanhas. E que, pelo andar da carruagem, a intenção deliberada da cúpula da Câmara — leia-se o presidente da Casa, Arthur Lira (PP) — é deixar, pelo menos, a liberação do Orçamento secreto de R$ 16 bilhões para depois das eleições.

Qual o objetivo?

A reeleição de Arthur Lira para presidente da Câmara dos Deputados, é óbvio!

Deputados petistas já sinalizaram que Lula vencendo a eleição Lira está fora da Mesa Diretora da Câmara Federal. E os apoiadores do parlamentar acreditam que esses recursos, depois do pleito, o PT vencendo ou não, serão o combustível para reeleger o mandato do alagoano na presidência do legislativo. 

Pero si, pero no, o fato é que até agora esse orçamento nem engatinhou na tramitação.

E o que dizem na capital federal?

Arthur Lira segura o chamado orçamento secreto e o Palácio do Planalto represa parte das emendas individuais, que embora sejam de liberação obrigatória não há data certa para o pagamento.

O sinal verde para essas emendas, mais o orçamento secreto, só mesmo no final do ano.

Ou seja, os parlamentares que esperam a liberação dessas verbas para agradar os prefeitos e conseguir manter ou conquistar uma base eleitoral ficam a ver navios.

E, nesse caso, para salvar a si mesmo, Lira mata os próprios aliados, inclusive em Alagoas. Será?!

Postado por Ponto Final


Ponto Final por Redação

 Blog Político

Todos os direitos reservados
- 2009-2022 Press Comunicações S/S
Tel: (82) 3313-7566
[email protected]